Pesquise

sábado, 30 de abril de 2011

Dúvidas sobre o retorno de Ronaldo

Sir Alex Ferguson admite que Cristiano Ronaldo não deva voltar ao Manchester United.
O português era praticamente desconhecido quando se juntou aos Reds no verão de 2003,vindo do Sporting Lisboa,custando cerca de £12 milhões.
Ronaldo passou seis anos em Old Trafford,ajudando o United a vencer a Premier League por três vezes e uma Champions League,quando ele se estabeleceu como um jogador com classe mundial.
O Real Madrid acabou pagando um recorde mundial,£90 milhões para levá-lo ao Santiago Bernabéu em 2009,e no começo deste mês ajudou o Real a conquistar a Copa Del Rey frente ao Barcelona na final.
Houve uma especulação de que o jogador de 26 anos de idade poderia ter um retorno sensacional para o United,mas Ferguson preferiu recuar-se diante de um possível negócio.
"Seria muito difícil",disse o chefe dos Reds."Ele tinha um grande tempo aqui,mas ele está em um grande clube agora também.Tínhamos ele como um garoto e ele foi pra Madri como um homem".

La canción del Chicharito

Veja este engraçado vídeo feito pela Ya.fm para o Chicharito :

video

Ranking de clubes da CNN

De acordo com o canal de televisão americano CNN,o Manchester United é o 3º melhor clube de futebol do mundo,perdendo para Barcelona (1º) e Real Madrid.O destaque da lista fica por conta do Cruzeiro,único time que não se reside na Europa,na oitava colocação do ranking,que é elaborado pelos jornalistas da emissora que possui 23 agências pelo mundo.

Confira o ranking de clubes da CNN :



1º - Barcelona - ESP
2º - Real Madrid - ESP
3º - Manchester United - ING
4º - Milan - ITA
5º - Porto - POR
6º - Chelsea - ING
7º - Borussia Dortmund - ALE
8º - Cruzeiro - BRA
9º - Inter de Milão - ITA
10º- Olympique de Marseille - FRA

John Andrew O'Shea

John Andrew O'Shea (30 de abril de 1981),nasceu em Waterford,na Irlanda.
É conhecido como o Curinga Humando de Sir Alex Ferguson,por sua versatilidade de jogar como zagueiro,nas laterais,de volante (sua preferência) e até como goleiro,se necessário,o que inclusive já aconteceu,numa partida diante do Tottenham em White Hart Lane,na temporada de 2006/07,e teve uma boa atuação,não sofreu gol.


video

O'Shea assinou seu primeiro contrato profissional com 17 anos e teve sua estréia profissional em 1999 na derrota de 3-0 para o Aston Villa no Villa Park, pela Copa da Liga Inglesa.
Em seguida foi emprestado ao Bournemouth(10 jogos e 1 gol) e também ao Royal Antwerp(14 jogos).
Quando voltou ao United,ajudou o time a se classificar para a final da Copa da Inglaterra,na temporada 2003/04,quando os Red Devils derrotaram o Millwall por 3x0,atuando como zagueiro na vaga de Rio Ferdinand,que havia sido pego num exame anti-doping.

Títulos pelo Manchester United :


  • Campeonato Inglês2002032006–072007–082008–09


  • Copa da Inglaterra200304


  • Copa da Liga Inglesa: 200506, 2008-09


  • Supercopa da Inglaterra: 2003, 200720082010


  • Liga dos Campeões da UEFA2007–08


  • Campeonato Mundial de Clubes2008




  • Hoje,30 de abril de 2011,O'Shea comemora 30 anos de vida.Agradecemos a este grande jogador tudo o que ele fez pelo United e lhe desejamos muitos anos de vida e muito sucesso durante toda a carreira que ele tem pela frente.Parabéns!








    Nenhuma surpresa para Fergie

    O técnico do Manchester United,Sir Alex Ferguson admite que não está chocado com torcedores do Manchester City zombando do desastre aéreo de Munique.
    Durante a vitória do City por 1-0, em Blackburn, na segunda-feira, torcedores do City foram ouvidos cantando canções de mau gosto relacionadas com a tragédia.
    23 pessoas morreram no acidente aéreo de 1958, oito das quais foram os jogadores do United,e Ferguson insiste em suspresas na atualidade.
    "É um triste reflexo na sociedade",disse ele sobre os cantos degradantes."Estamos em uma sociedade diferente agora".
    "Há um monte de coisas que me assustam na vida.Vejam alguns dos crimes que são cometidos hoje.Mas não há nada que possamos fazer sobre isso".

    sexta-feira, 29 de abril de 2011

    Sir Alex Ferguson : "A corrida pelo título da Premier League ainda está viva"

    O técnico do Manchester United,Sir Alex Ferguson,disse que a corrida pela Premier League ainda não acabou, apesar de sua equipe ter uma vantagem de 6 pontos restando 4 jogos.
    Os rivais do Manchester United na busca pelo título são Chelsea,com 67 pontos e,logo atrás,o Arsenal,com três pontos a menos,na terceira colocação.
    No domingo o United viaja à londres para enfrentar o Arsenal,e depois pega o Chelsea em Old Trafford,no dia 8 de maio.
    "Ainda há o drama pela frente.Dois meses atrás todos estavam olhando para estes dois jogos (Arsenal e Chelsea) como os decisivos da Liga.Eles provavelmente são agora",disse Ferguson.
    "Se chegarmos ao último jogo em casa (contra o Blackpool) precisando vencer para ganhar o campeonato,eu ficaria feliz com isso",disse ele.

    Que fase! Atacante "Shrek" do Manchester United-ING tem telefone grampeado

    O jogador inglês Rooney ficou sabendo da notícia na última quinta-feira


    Apesar do Manchester United, da Inglaterra, estar vivendo um bom momento dentro do campo, estando próximo do título inglês e da final da Copa da Liga dos Campeões, um jogador fora das quatro linhas está com um grande problema. Trata-se do atacante Rooney,que teve seu telefone grampeado pelo jornal britânico News of the World.



    Ao saber da notícia na última quinta-feira, o atacante do Manchester United-ING, em sua página na rede social do Twitter, reagiu com muita ironia, dizendo que isso era uma grande novidade.
    "Os detetives da Scotland Yard (polícia escocesa) vieram cedo e me mostraram alguns documentos. Parece que á um jornal grampeando meu telefone. Grande novidade", postou no Twitter o atacante.

    Ancelotti coloca pressão sobre o Manchester United

    TÉCNICO DO CHELSEA AINDA ACREDITA NO TÍTULO


    Carlo Ancelotti, técnico do Chelsea, acredita que a pressão quanto ao desfecho da presente Premier League está toda do lado do Manchester United que, nesta altura, tem apenas 6pontos a mais que o clube londrino.
    "Quando perdemos para o United em casa no mês passado, estávamos com uma diferença pontual de 18 pontos. Contudo, se vencermos o Tottenham serão apenas 3 (pontos) e isso seria fantástico", adiantou o treinador do clube de Stanford Bridge, em declarações reproduzidas pela Sky Sports.
    O italiano realçou mesmo a importância de uma vitória frente aos rivais londrinos, afirmando que "quanto mais perto o Chelsea estiver, mais pressão coloca".
    Ancelotti admitiu, no entanto, que o clube de Alex Ferguson tem "a experiência, tradição e história para lidar com a pressão" mas que os blues têm de manter o título em aberto até ao "último minuto".

    Recuperado de lesão, Berbatov pode jogar contra o Arsenal

    Autor : ESPN

    Ausente dos últimos três jogos do Manchester United por causa de uma lesão na virilha, o atacante Dimitar Berbatov estará à disposição de sua equipe para o clássico contra o Arsenal, neste domingo, no Estádio Emirates.

    "Dimitar está em forma outra vez depois de treinar por toda a semana. Ele teve uma lesão virilha e nos desfalcou, mas agora ele está apto para voltar", afirmou Alex Ferguson, técnico dos Diabos Vermelhos, nesta sexta-feira.

    Artilheiro do Campeonato Inglês, com 21 gols, Berbatov vinha sendo preterido no time titular pelo mexicano Javier "Chicharito" Hernández. Dessa forma, ainda não é certo se o búlgaro começará o clássico entre os onze iniciais.

    Além de Berbatov, outro atleta da equipe de Alex Ferguson que está se recuperando de lesão é o volante Darren Fletcher. No entanto, o meio-campista não deve atuar contra o Arsenal, mas pode estar apto para o segundo jogo das semifinais da Copa dos Campeões da Europa, na próxima quarta-feira, contra o Schalke 04, no Old Trafford.

    Sir Alex Ferguson pede que United não busque empates e entre para vencer

    Autor : Old Trafford Brasil
    Ferguson acredita que é “vital” que o Manchester United concentre-se em vencer os jogos nas partidas restantes, mesmo que um empate possa ajudar o time a se aproximar dos dois troféus que restam.
    Com quatro partidas faltando para o fim da Premier League, o United precisa somar sete pontos de 12 possíveis para estabelecer o recorde de 19 títulos ingleses.
    Mas falando à revista Inside United, Ferguson declarou: “É importante manter a boa fase vencendo jogos. Isso é vital. Empates não estão em questão agora, é tudo sobre vitórias. Nós temos alguns poucos grandes jogos se aproximando e precisamos vencê-los.”
    O escocês falou ainda sobre a perseverança do time, com uma comparação à equipe de duas temporadas atrás.
    “Esse time pode não ter o fator ‘Ronaldo’, mas não entende a palavra derrota. É determinado, arenoso e muito profissional, e produziu alguns grandes momentos. Não é como se não tivéssemos mais aquela magia. Um pouco do futebol que vimos de alguns jogadores nessa temporada foi incrível.”
    Perguntado sobre o significado de ultrapassar a marca de 18 títulos, atualmente dividida com o Liverpool, ele disse: “Eu não acho que isso esteja nas nossas cabeças no momento. Se conseguirmos isso, será legal refletir sobre, mas no momento sabemos que temos alguns jogos difíceis por fazer. Buscamos desafios, entretanto.
    Questionado se a pressão do fim da temporada drena energia do time, ou se dá mais motivação, Ferguson deu uma declaração equilibrada: “É um pouco dos dois. Essa é a melhor parte do seu trabalho, ter jogo decisivo após jogo decisivo. Tivemos alguns jogos fantásticos nos últimos anos a essa altura da temporada, mas algumas decepções também. Você só tem que encarar a adversidade com calma.
    “Os jogadores vêem como a comissão técnica se comporta e como e como eles de conduzem em situações como a que nós estamos no momento, e há muita experiência nos bastidores, o que dá uma influência calma. Dois ou três dos jogadores mais velhos também ajudam. Ryan, Paul, Rio e Edwin – temos experiência suficiente para lidar com qualquer situação que apareça.”

    Owen : "Wenger é bom,mas Ferguson é muito melhor"

    Owen,do Manchester United,disse que o trabalho feito por Ferguson,ao longo de sua carreira,tem sido fenomenal.
    Antes do confronto de domingo com o Arsenal,Owen era só elogios ao trabalho feito por Wenger com os "gunners",mas disse que as conquistas de Ferguson,especialmente por Wenger não conquistar um troféu há seis temporadas,indica que o escocês é o melhor "manager" que a Premier League já viu.
    "Arsène Wenger é um dos melhores técnicos que a Premier League já viu",disse Owen.
    "Ele transformou o clube e fantasticamente vem fazendo bons trabalhos ao longo dos anos".
    "O sucesso que teve aqui com um time altamente competitivo como este é incrível".
    Owen também disse que os gunners terão de vencer à qualquer custo no domingo,caso contrário,darão adeus à busca pelo título.
    "O Arsenal sabe que eles têm de nos vencer neste fim de semana para manterem suas chances vivas",acrescentou.
    "Isto que faz com que o jogo seja tão bom".
    "Devemos ter atitude para conseguir os três pontos".
    "Não é apenas o Arsenal.O Chelsea também pode ganhar o campeonato.É por isso que temos que pensar só em nós mesmos",finalizou.

    quinta-feira, 28 de abril de 2011

    Eboue quer ver Arsenal jogar sem medo contra o Manchester United

    Para Emmanuel Eboue, o Arsenal não pode demostrar medo quando enfrentar o Manchester United, no próximo domingo. Esta pode ser uma chance dos Gunners diminuirem a diferença de nove pontos para o United e assim voltarem a sonhar com o título do Campeonato Inglês. 

    Eboue prega o respeito ao adversário, mas não aceita que o time sinta medo. "Temos de respeitá-los, mas não nos assustarmos, jogar o nosso futebol e vamos ver depois do jogo”, disse o jogador. 

    atleta também falou sobre Ryan Giggs, de 37 anos, um dos principais reponsáveis pelo bom momento do rival. "Quando ele joga, é como se ele tivesse 20 [anos] porque ele está em toda parte. Então você tem que ter cuidado com ele", alertou. 

    Rui Patrício continua na mira do Manchester United

    A imprensa inglesa garante que o Manchester United continua interessado na contratação de Rui Patrício para a próxima época.


    Alex Ferguson pretende contratar dois guarda-redes jovens de elevado potencial para ocupar a vaga do actual titular Van der Sar, que termina a sua carreira no final da presente época.

    O ''Daily Mail'' avança que um deles deverá ser Rui Patrício, do Sporting, o outro o espanhol De Gea do Atlético Madrid

    Renovação do atacante Berbatov gera mal estar no Manchester United

    A renovação do contrato do atacante Dimitar Berbatov, de 30 anos, com o Manchester United está causando mal estar entre o jogador e a diretoria do clube. O clube, no começo do ano, propôs uma renovação de contrato por dois anos, mas as boas atuações do atacante Hernandez fizeram a diretoria do clube oferecer apenas um ano de contrato para Berbatov.

    Esta diminuição do período de renovação do contrato causou insatisfação ao atacante, que gostaria de renovar por mais dois anos com o clube. O atual contrato do jogador encerra-se em Junho de 2012.

    O atacante é um dos artilheiros do clube no ano com 30 gols marcados. Berbatov não viajou com a equipe do Manchester para a primeira partida semifinal da Liga dos Campeões contra o Schalke 04 por ter sentido uma lesão na virilha.

    Mourinho quer tirar Nani do Manchester United


    O Real Madrid pode virar uma “casa portuguesa” na próxima temporada. Com Cristiano Ronaldo, Ricardo Carvalho e Pepe no elenco, o técnico José Mourinho, que também é português, indicou a contratação do atacante Nani, do Manchester United, à diretoria do clube madrileno.
    Segundo o jornal inglês Daily Mail, os merengues estariam dispostos a oferecer € 28 milhões (cerca de R$ 65 milhões) por Nani, que ainda tem mais 15 meses de contrato com os Red Devils.

    Messi e Cristiano Ronaldo são 'a cara e a coroa da mesma moeda', diz Ferguson

    Autor : ESPN

    Muito perto de mais uma final de Uefa Champions League, a terceira nos últimos quatro anos, o técnico e “manager” do Manchester United, Alex Ferguson, marcou presença nas arquibancadas do Estádio Santiago Bernabéu na última quarta-feira para acompanhar o primeiro duelo entre Real Madrid e Barcelona. 
    O treinador escocês foi questionado e respondeu ao site oficial do United sobre quem seria o melhor jogador do mundo: o argentino Lionel Messi, autor dos dois gols da vitória do Barça por 2 a 0 sobre o arquirrival, ou o português Cristiano Ronaldo, que foi seu comandado em Old Trafford. 


    “Tive Ronaldo como jogador e penso que ele é o melhor do mundo. Pode jogar com os dois pés, tem uma técnica fantástica, tem força e bravura e é um excelente cabeceador. Mas Messi também é um jogador absolutamente fantástico”, disse Ferguson. “É difícil escolher entre os dois. Eles são a cara e a coroa da moeda.”

    Rooney diz que errou ao tentar sair do United e pede desculpas aos torcedores

    Autor : ESPN

    Novamente em estado de graça com a torcida do Manchester United e prestes a disputar mais uma final de Uefa Champions League pelo time inglês, o atacante Wayne Rooney disse publicamente à imprensa do país que “cometeu um erro” ao tentar forçar a saída do clube de Old Trafford no ano passado. 

    Rooney esteve muito perto de deixar o clube e chegou a ser dado como reforço certo do Real Madrid, além de fortemente sondado pelo rival do United na cidade, o Manchester City. Mas acabou sendo convencido pelo técnico Alex Ferguson a continuar, após uma série de protestos dos torcedores dos Red Devils, que já o chamavam de “traidor”. 

    “Eu cometi um erro. Quando eu olho para trás e vejo o que aconteceu, percebo o quanto eu estava errado. Mas agora admito isso sem problema”, afirmou um dos principais destaques do United nesta temporada. “Peço desculpas mais uma vez e sinto que tenho que provar meu valor junto aos torcedores. Acho que estou conseguindo fazer isso agora.”

    quarta-feira, 27 de abril de 2011

    Pretendido por Manchester e Bayern, Neuer pode continuar no Schalke

    Autor : Globoesporte.com



    Clube quer manter atleta para a próxima temporada. Diretor nega acordo com outras equipes e lembra que contrato vale até 2012

    Manuel Neuer na partida do Schalke contra o Manchester United (Foto: Reuters)
    Pretendido por Manchester United e Bayern de Munique, o jovem goleiro do Schalke 04, Manuel Neuer, pode continuar no clube mesmo após anunciar recentemente que não renovará com a equipe. Pelo menos essa é a intenção da diretoria alemã. Após a derrota por 2 a 0 para o Manchester, na Alemanha, no jogo de ida das semifinais da Liga dos Campeões da Uefa, o diretor esportivo do Schalke, Horst Heldt, afirmou que o arqueiro pertence ao clube e não existe acordo com nenhuma outra equipe até o momento.

    - Está claro que temos uma relação contratual. Todo o resto é simplesmente acessório. Ele assinou conscientemente até 2012. Isso é a única coisa que conta. Se alguém oferecer 100 milhões, não podem exigir de mim que diga que é invendível. Mas sublinho sempre que temos um contrato. Tudo o mais são reflexões de outras equipes e desejos de outras pessoas – disse Heldt.

    Nesta terça-feira, o jogador foi elogiado pelo técnico do clube, Ralf Rangnick, que disse que ojovem é o “melhor do mundo”. Além dele, Alex Ferguson também se rendeu ao talento do goleiro da seleção alemã. O técnico do Manchester chegou a admitir que Neuer iria para o Bayern, mesmo sonhando com o atleta para o lugar de Van der Sar, que se aposenta no fim da temporada.


    Bayern de Munique não vai gastar "valor astronômico"

    A diretoria do Bayern confirmou o interesse no atleta, mas afirmou que não vai pagar mais de €20 milhões (R$ 45,9 milhões), segundo o jornal português "A Bola", conforme declaração de um dos dirigentes do clube, Uli Hoeness.
    - Nós queremos Neuer. Quando existe um interesse pode ser sempre encontrada uma solução, mas os dirigentes do Schalke não podem pedir um valor astronômico - concluiu.

    Técnico do Manchester admite que goleiro do Schalke irá para o Bayern

    Autor : Globoesporte.com


    Cogitado no United, Neuer teve ótima atuação, mesmo com a derrota para os ingleses, pela ida das semifinais da Liga dos Campeões




    Apesar de ter sofrido dois gols na derrota do Schalke 04 por 2 a 0 para o Manchester United nesta terça-feira, pela ida das semifinais da Liga dos Campeões, o goleiro Neuer teve ótima atuação e ganhou o reconhecimento do técnico do time inglês após a partida.
    O alemão tem seu nome constantemente ligado ao Manchester, entretanto, Alex Ferguson, que procura um goleiro para substituir o veterano Van der Sar, que se aposenta no fim da temporada, admitiu que o destino do jogador deve ser o Bayern de Munique.
    - Sabemos disso mas ele foi fantástico. Foi uma das melhores atuações que eu já vi contra o Manchester United - elogiou o escocês.
    Ferguson viu que Neuer não era imbatível em um gol anulado do mexicano Hernandez.
    - Para mim, quando Chicharito marcou quando estava impedido, aquilo mostrou aos jogadores que eles poderiam superar o goleiro. Giggs acabou marcando e conseguimos um resultado maravilhoso - concluiu.


    Para Raúl, tudo pode acontecer no jogo de volta da semifinal da Liga

    Autor : Globoesporte.com



    A melhor zaga da Liga dos Campeões nesta temporada parou o maior artilheiro da história da competição. O atacante espanhol, Raúl, que já anotou 71 gols no campeonato mais importante do futebol europeu, não conseguiu superar a defesa do Manchester United, que ainda não foi vazada jogando fora de casa na edição 2010/2011 da Champions.
    No entanto, para a partida de volta, o centroavante do Schalke 04 espera voltar a marcar para ajudar sua equipe a reverter o resultado desta terça-feira. Com a derrota por 2 a 0, em casa, o time alemão precisa vencer na Inglaterra por três gols de diferença, ou por dois, desde que marque três vezes ou mais.
    – No jogo de volta, tudo é possível, não sabemos o que poderá acontecer. Pode haver um pênalti a nosso favor, uma expulsão na equipe deles, nada é impossível no futebol. Esperávamos outro resultado, outro tipo de exibição, mas estamos felizes porque jogamos ao nosso nível. O problema é que o Manchester esteve num nível muito acima – disse Raúl.
    O goleador espanhol lamenta que a equipe não tenha criado muitas chances de marcar neste primeiro confronto, mas agradece o carinho do torcedor, que mesmo com a derrota, aplaudiu a equipe após o apito final.
    – Não conseguimos criar situações de gol suficiente para dar a volta ao resultado e eles, por outro lado, marcaram dois golos em dois minutos. Atingir a semifinal para este clube é para os torcedores um grande motivo de orgulho, tentamos de tudo e eles perceberam isso. Nós, no final do jogo, fomos aplaudidos – completou.
    Raul na partida do Manchester United contra o Schalke (Foto: AP)

    terça-feira, 26 de abril de 2011

    Técnico aponta erros do Schalke, mas avisa: "Já mostramos o que podemos fazer fora"

    Autor : ESPN

    Depois da derrota por 2 a 0 para o Manchester United dentro de casa, restou o técnico do Schalke 04, Ralf Rangnick, apontar os problemas de sua equipe na partida e agradecer ao goleiro Manuel Neuer por ter evitado uma 'goleada' dos ingleses em plena Veltins Arena. No entanto, apesar de tudo, o treinador ainda tem esperanças na classificação, principalmente considerando o 'bom' retrospecto recente do clube atuando fora de casa.

    "A partir dos 15 minutos de jogo, nós erramos em todos os ataques do United, fazendo decisões ruins e dando muito espaço para eles jogarem. Eles nos ameaçaram em todas as jogadas ofensivas e temos que agradecer Manuel Neuer por não termos tomado dois ou três gols no primeiro tempo", avaliou Rangnick. "Se vocês têm acompanhado o desenvolvimento dele (Neuer) nos últimos anos, vão saber que não há melhor goleiro que ele na Europa, nem em nenhum outro lugar", completou, rasgando elogios ao goleiro alemão.




    Para o treinador, o Schalke melhorou no segundo tempo, mas foi pouco agressivo nas oportunidades que teve para atacar. "Foi melhor no segundo tempo quando mudamos para três marcadores. O time ficou mais compacto, mas não conseguimos ganhar as bolas, como fizemos contra a Inter. Depois nós demos um gol quando nem parecia que eles iria marcar. Eles não estavam jogando com o mesmo ritmo, mas nós ficamos só assistindo enquanto ápenas Peer Kluge atacava", lamentou o Rangnick.

    Mesmo com a derrota, Ralf Rangnick fez questão de destacar a postura guerreira de sua equipe dentro de campo, até quando esteve atrás no marcador. "Eu não posso criticar o espírito de luta com que nós jogamos hoje. Nós só estamos juntos por cinco semanas, as falhas que eu encontrei são mais táticas. Temos que melhorar várias coisas para o jogo de volta", comentou.

    Apesar do mau resultado, o técnico ainda acredita na recuperação de sua equipe e, inclusive, na classificação para a final da Champions League. Ralf Rangnick relembrou o retrospecto dos alemães atuando fora de casa para avisar que o Schalke ainda não está morto na competição.

    "O United está na frente, com certeza, mas muitas coisas podem acontecer no futebol, e nós já mostramos que podemos marcar gols fora de casa. Talvez eles estejam certos de que vão avançar agora, mas vamos ver. Nós podemos jogar sem ter medo de nada, temos absolutamente nada a perder", finalizou Rangnick.

    Sir Alex quer levar Manchester United a um patamar ainda mais alto

    Autor : Globoesporte.com


    O Manchester United é considerado, por muitos, um dos maiores clubes do mundo. No entanto, o técnico Alex Ferguson acredita que o time ainda tem muito a crescer. Na atual temporada, os Diabos Vermelhos disputam mais uma semifinal de Liga dos Campeões. Nesta terça, a equipe inicia a luta por uma vaga na decisão do dia 28 de maio contra o Schalke 04, fora de casa. E o treinador só pensa neste título para levar seu clube a um patamar ainda mais alto no futebol europeu.
    - Temos que chegar a esse nível. A expectativa de minha parte em relação à Liga dos Campeões é sempre muito grande, porque temos que tentar igualar times como Real Madrid, Milan, Bayern de Munique, Liverpool e Ajax. É neste patamar que temos que estar – ressaltou.
    Para conquistar este objetivo, Ferguson aposta muito no talento do jogador que é a grande referência do Manchester United nos últimos anos: Wayne Rooney.
    - Um jogador tem que deixar a fase ruim para trás e saber se reinventar. O Wayne está em ótima forma recentemente e ele sabe que será sempre o centro das atenções e que, por isso, tem sempre que jogar bem. Ele tem chamado a responsabilidade e não poderia ser diferente. É ele quem tem que fazer isso – observou o treinador, que conta também com a experiência de Van der Sar para liderar a equipe.
    - O Edwin é um dos melhores do mundo e espero que não seja impossível encontrar alguém para o seu lugar no final da temporada. A maneira como ele motivou os jogadores no jogo contra o Everton, por exemplo, foi impressionante. Ele é brilhante – afirmou.
    Chicharito não foi uma “aposta”
    Elogiado por muitos torcedores, mas também criticado por parte da torcida e da imprensa europeia por não gastar muito em suas contratações, o técnico do time inglês vem ganhando créditos pela aquisição do mexicano Javier Hernandéz. Chicharito foi considerado a “compra do século” pelo craque Wayne Rooney, e Sir Alex explicou o caminho até a conclusão do negócio.
    - Contratar não é fácil. Você tem que olhar para a idade do jogador, a posição, tempo de contrato com o time que ele defende, quanto ele vai custar... Analisamos tudo isso. Por exemplo, no caso do Chicharito, tivemos um ótimo trabalho feito pelos olheiros. Eu enviei meu olheiro chefe (Jim Lawlor) à Guadalajara, ele viu o menino jogar pelo seu clube, pela seleção e retornou com um relatório excelente. Então, só tivemos que fazer a proposta – explicou Ferguson,
    Ele também deu um panorama sobre como faz para contratar qualquer jogador para sua equipe.
    - A palavra final é sempre minha. Converso com o Mick Phelan, meu assistente e o Renee Meulensteen, meu técnico, e tentamos buscar o maior número de informações possível. Em algumas oportunidades, nós mesmos vamos assistir aos jogos. Temos que equilibrar o grupo, nunca deixar ficar com uma idade elevada, e o mais importante: não montamos um time, montamos um clube. E um clube precisa de uma base forte, com jovens talentos – completou.

    Neuer: 'Respeitamos demais o Manchester'

    Autor : Goal.com



    Goleiro do Schalke exaltou o apoio da torcida, apesar da derrota

    Um dos protagonistas da semifinal desta terça-feira, o goleiro do Schalke 04, Neuer, que fez grandes defesas, disse, após a derrota em casa para o Manchester United por 2 a 0, que sua equipe mostrou muito respeito ao rival.

    - Acho que respeitamos muito o Manchester desde o começo. Contra a Inter de Milão, que também é uma grande equipe, jogamos de forma bem diferente - declarou o goleiro da seleção alemã, que exaltou o apoio da torcida apesar da derrota.

    - Acho que no final os torcedores cantaram algo como "estamos orgulhosos de nossa equipe". Temos que seguir jogando bem, porque não queremos que esse apoio acabe - completou.